sexta-feira, 6 de março de 2015

Vendo o Tempo Passar

Olhando este mundo todos os dias eu vejo o tempo passando, e passando, as expressões no rosto confirmam isto. A cada amanhecer somos desafiados a mantermos-nos vivos. A morte anda a espreita buscando oportunidades de nos abater, ou levar-nos para o Além. Bom, não estou dizendo que o além deve nos amedrontar, mas, digo que todos os dias, temos que viver. E a vida vivida com graça é aquela que tem motivos para ser. O que motiva você? Por quem você vive? Por quem você dedica seu esforço nas vinte e quatro horas de seu dia? As repostas variam de pessoa para pessoa. Os românticos poderiam dizer que vive em função da pessoa amada. Ou o jovem visionário poderia dizer que uma carreira acadêmica ou profissional é facinante e inspiradora. Os religiosos poderiam dizer que Deus é sua fonte de inspiração de vida. Acredito que muitas outras respostas poderiam ser apresentadas aqui. E acho que todas são reais e legitimas. Olhando este mundo “véio sem porteira”, dia a dia acredito que a vida por si só já é inspiradora. Para amar, para estudar, para servir a Deus, a vida por si já é suficiente. O músico evangélico Carlos A.  Moyses, (Voz da Verdade) gravou uma música na década de noventa que dizia assim. “Ah eu vi passar Um grande artista que passou prá nunca mais. Ah, eu vi passar Um presidente que passou pra nunca mais. Ah, eu vi passar Um homem rico que passou pra nunca mais. Ah, eu vi passar Um João ninguém que passou prá nunca mais”. De acordo com essa música estamos de passagem neste palco belíssimo de existência. Vamos interpretar nosso papel com fidalguia e honradez. Não compare sua vida com a vida de outros em sua volta! Viva a sua vida. Sua vida é uma benção....não sejamos mais meninos inconstantes...não andeis mais como andam também os outros gentios, na vaidade da sua mente.... Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano; E vos renoveis no espírito da vossa mente; E vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade. Ef 4:14, 17, 22-25